A história de um lançamento discreto


Vou contar uma história, mas prometo que será curta. Certa vez estávamos conversando com um empresário que comentou estar "na correria", devido ao lançamento de um aplicativo inovador, que aconteceria dentro de poucos dias. Perguntamos do que se tratava, e a resposta nos convenceu de ser mesmo um produto inovador com um diferencial que facilitaria a vida das pessoas.

Indagamos, então, como eles fariam a divulgação do lançamento para a imprensa. A resposta? Não fariam. O evento seria na sede da empresa, com convidados e lojistas da rede. Estilo festa íntima.

Ao escrever esse artigo, busquei no google informações sobre o lançamento do produto, para saber se, por acaso, o aplicativo tinha sido anunciado em algum veículo de comunicação, ou se havia pessoas falando sobre ele. Nada. Também observei que os downloads não chegam a cem.

Moral da história que, como prometi, seria curta. O lançamento de um produto não precisa ser realizado num resort, com o show da banda do momento, mas ele precisa ser pensado de forma estratégica. Como já falamos em outro texto, uma assessoria de imprensa não pode prometer que seu produto, ou serviço, será divulgado no jornal X ou no canal Y. Mas pode identificar na sua empresa oportunidades e temas de interesse, como o lançamento em questão, e divulgá-los para os veículos compatíveis, entregando resultados de exposição e trazendo novos clientes.

Um aplicativo inovador e que facilita a nossa vida, por exemplo, gera interesse da mídia porque, simplesmente, desperta o interesse do público. Uma pena que tão poucas pessoas tenham sido apresentadas a ele.